domingo, 19 de abril de 2009

O círculo de potencialidades da personalidade

Nas tradições orientais o ser humano é dividído em 7 corpos os quais vou citar apenas os nomes para poder falar do círculo de potencialidades e aprofundarei o tema em outro post.

Os corpos do ser humano.

1. Corpo Étero/Físico - Constituido do corpo físico e seu duplo etérico.
2. Corpo Prânico - Constituído do corpo prânico que significa nosso corpo energético, nossa energia vital.
3. Corpo Astral - Constituído de nosso corpo emocional, o mesmo que o espíritas chamam de perispírito.
4. Corpo Mental dos Desejos - Constituido de nosso corpo mental, porém o corpo mental inferior, o mental que age sempre esperando recompensa, o mental não altruista.

Os corpos 5, 6 e 7 ficam para um próximo post, mas representam o espiritual do ser humano, aquele imortal que não se decompõem ao desencarnar e o que irá permanecer após nossa evolução a nível humano.


O círculo de potencialidades:

Estes 4 corpos da personalidade nos possibilitam um potencial de ação no mundo.

São a memória, a imaginação, a atenção e o dicernimento (intuição).

Imagine estes 4 como sendo um círculo com a memória a esquerda, a imaginação a direita, a atenção abaixo e o dicernimento acima, com a nossa consciência no centro, comandando e regulando nossas potencialidades.

Quando não estamos atentos a um acontecimento será impossível conseguirmo lembrar depois, consequentemente a memória é ligada e dependente a atenção.

Mesmo prestando atenção se não tivermos uma boa imaginação o fato em si irá se apresentar de forma muito superficial, sem profundidade.

Ainda que estivermos atentos, mas se nosso dicernimento, que significa uma espécie de inteligência direta, sem raciocínio. Iremos demorar a entender o que está se passando sob pena de nos distrairmos e deixar-mos passar muitas coisas a descoberto.


Por isso é muito importante treinarmos e desenvolvermos nosso círculo de potencialidades. Para que possamos ter um aproveitamento maior de tudo o que entramos em contato. Acelerando nossa evolução e tendo mais ferramentas para nos ajudar e ajudar os demais.


Carlos Castaneda em sua saga de aprendizado com um Índio Tolteca Don Juan de Matus, ao longo de anos é incentivado a provocar deliberadamente esperiências fora do comum, fora do cotidiano que aprendemos a aceitar como a realidade, mas que está longe de ser a realidade ultima. Um exemplo muito simples de que existem mais coisas além daquelas que vemos, tocamos, escutamos, é o seguinte:

Nosso espectro de cores vai do vermelho ao violeta, mas hoje a ciência nos demonstra que existem ainda várias intensidades não percebidas a olho nú, como o infra vermelho e o ultra violeta. Também nos passa como inexistente o ultra som, imperceptível ao ouvido.
Quem começa aprofundar-se no assunto se depara com um incrível mundo invisível onde residem miríades de seres, mas este ja é outro assunto.

De momento incentivo ao leitor em desenvolver seu círculo de potencialidades para algum dia conseguir perceber estas coisas hoje imperceptíveis devido ao nosso curto alcance de percepção.


A!

Tags

Filosofia Esoterismo Carlos Castaneda Buda História Ocultismo Toltecas Artes Marciais Ciência Política Don Juan de Matus Religião Budismo Consciência Educação Física Quântica Inteligência Jedi Mestres de Sabedoria Mistério Star Wars Zen Budismo A erva do diabo Albert Einstein Artes Culpa Deus Emoções Energia Gregos Hinduísmo Intuição Jesus Liberdade Maya Medos Natureza Platão Psicologia Renascença Renascimento Sith Tempo Teorias de Conspiração Universo Vibrações Virtudes Vontade enfrentar os medos iChing medo Alcorão Amit Goswami Amizade Apolônio de Tiana Asceta Astrologia Baghavad Gita Bardo Thodol Bem Bom Budhi Bíblia Carlos Castaneda expansão da consciência Carma Cortesia Cosmos Criança Cristianismo Céu Darth Vader Desinformação Deuses Dhamaphada Discípulo Diálogo Ecologia Escola de mistérios Esparta Espreita Espírito Fadas Faraó Fogo Física da Alma Guerreiro HPB Helena Petrovna Blavatsky Hierofantes Humor Idealismo Inferno Krishna Linhas de Força Livros Logos Magia Maomé Matrix Mecânica Quântica Michel Echenique Isasa Mitos Moral Morte Música O fogo interior Orfeu Ovo de Luz Pacto Pirâmides Poluição Problemas Profecia Psicossomatica Reis Romanos Sabedoria Saltimbancos Samurai Saúde Sebos Sentimentos Ser magoado Skywalker Sol Sábios Sócrates Terra Tradição Triângulo Ventos Astrais Violência a voz do silêncio aceitação afrodite ansiedade apolo ares arthemis arthemisa atena athena coragem destino deuses gregos dionísio doutrina secreta espartanos feliz dia das mães ficar magoado ideais idéias krishnamurti lu andarilho lu conduta marte mágoas o poder do silêncio o presente da águia objetivos os 300 os 300 de esparta polaridade consciência portões de fogo provérbio raiva reencarnação silêncio stress teoria quântica termópilas